Sobre o LHC

O Departamento de Hidráulica e Saneamento da EESC/USP destaca-se há muitos anos em áreas de ensino e pesquisa através de seus programas de mestrado e doutorado, tendo alcançado posição de destaque a nível nacional e renome internacional.

Tradicionalmente, as atividades de pesquisa concentram-se principalmente nas áreas de Hidráulica experimental clássica e gerenciamento de recursos hídricos, pelo lado da Hidráulica e Hidrologia, e no tratamento de águas residuárias e efluentes, pelo lado do Saneamento.

Acompanhando a tendência mundial, observa-se que ferramentas matemáticas e numéricas vêm intensamente substituindo alguns tipos de investigações experimentais, tendo em vista vantagens operacionais, principalmente em termos de custo e tempo. O Laboratório de Hidráulica Computacional, ligado ao Departamento de Hidráulica e Saneamento, atua nessa área de desenvolvimento e simulação computacional. O grupo de pesquisa desenvolve em ambiente UNIX (Linux) simuladores voltados, inicialmente, à área de escoamento em meios porosos. Essa linha de pesquisa, permitirá, a curto prazo o desenvolvimento de algoritmos também para escoamento em canais e condutos forçados (áreas tradicionais do departamento no campo experimental), promovendo um efeito sinergético entre tradicionais e novas correntes da atividade acadêmica.

A importância de desenvolver software próprio é fundamentada pela capacidade de adaptação do simulador de acordo com as necessidades de projeto e a possibilidade de realização de análises numéricas para as equações estudadas. Na área acadêmica, existe a possibilidade de participação ativa do corpo discente da universidade no desenvolvimento dos projetos de pesquisa, viabilizando a transferência de conhecimentos físicos e teóricos através do engajamento de estudantes em atividades de programação e aplicação do programa em problemas de ordem prática.

Profissionais formados nesse ambiente de desenvolvimento de software aplicado a escoamento de fluidos adquirem uma visão multidisciplinar de problemas práticos, decorrente do contato simultâneo com conceitos de Hidráulica Fenômenos de Transportes, Engenharia Ambiental, Geociências, Matemática Aplicada, Informática, etc. Em termos de perspectivas profissionais, essa formação eclética, com experiência em diferentes áreas do conhecimento, representa um excelente ponto de partida para a entrada no mercado de trabalho.

Últimas Defesas de dissertações de mestrado / teses de doutorado

13/09/2016 - Mestrado: Heider Gusmão Lemos
"MODELAGEM DE SISTEMAS DE WETLANDS CONSTRUÍDAS COMO MEDIDA DE CONTROLE DE POLUIÇÃO DIFUSA NA BACIA HIDROGRÁFICA DO CÓRREGO DO MINEIRINHO, SÃO CARLOS - SP"
15/07/2016 - Doutorado: Loide Angelini Sobrinha
"PROPOSIÇÃO DE METODOLOGIA PARA AVALIAR A CLASSIFICAÇÃO SEMIAUTOMÁTICA DE IMAGENS DE SATÉLITE E SUAS IMPLICAÇÕES NA QUANTIFICAÇÃO DO ESCOAMENTO SUPERFICIAL DIRETO EM BACIAS URBANAS"
30/06/2016 - Mestrado: Derly Estefanny Gómez García
"MODELO EMPÍRICO LINEAR PARA PREVISÃO DA DISPONIBILIDADE HÍDRICA EM FUNÇÃO DA MÉDIA MÓVEL DA PRECIPITAÇÃO"
02/06/2016 - Mestrado: Vinícius Ferreira Boico
"MODELO ANALÍTICO PARA A AVALIAÇÃO DO ESCOAMENTO DE ÁGUA NO AQUÍFERO GUARANI EM BAURU/SP"

Consulte todas as defesas as anteriores

Estação LHC-IAB

Última Atualização
Dia: 10/12/2016 / Hora: 19:10
Temperatura: 21.61 ºC
Umidade relativa: 89.5 %
Pressão: 921 mbar
Precipitação: 0 mm
Velocidade do vento: 0.116 m/s
Direção do vento: 327.3 °
Radiação: 0 MJ/m2
Bateria: 12.33 V
OBS: O horário da estação LHC-IAB não segue o horário de verão.
Saiba mais ...

© 2016 Laboratório de Hidráulica Computacional (LHC) - SHS/EESC/USP